Resenha: If a Break 1 - Portia Moore

Olá, galera! Para quem não viu nosso post anterior, eu apresentei uma série fantástica de 4 livros chamada If i Break, então se você quiser saber de forma resumida do que essa história se trata basta ir até este post. Nesse aqui vou falar do 1º livro da série, espero que gostem:

22172410

Título: If a Break
Autor: Portia Moore
Série: If a Break #1
Gênero: New Adult, romance, hot, ficção,
Páginas: 309
Editora: Não publicado no Brasil 
Ano de publicação: 2014

Queria dizer que a coisa que me chamou a atenção neste livro foi justamente por ele ser de romance e tratar do transtorno de personalidade/identidade. Eu li um livro parecido Black Lies, da Alessandra Torres que trata do mesmo assunto: a mocinha conheceu um cara, se apaixonou por ele e depois descobriu que ele tinha um outro alter ego. E aí vem aquela mistura de raiva, de medo, de incerteza. Tipo, parece ser a mesma pessoa e teoricamente é, mas com pensamentos e atitudes totalmente diferentes.

Vim com muita expectativa desde a sinopse para este livro da Portia Moore:

Esse não é o típico felizes para sempre… Lauren Brooks quer fazer três coisas: ficar longe da pequena cidade onde cresceu, ser aceita na escola dos seus sonhos, em Chicago, e fazer pós-graduação sem se afogar em dívidas. Agora com a carga de estudos completa e um emprego onde ela está trabalhando apenas para sobreviver, como garçonete em uma das boates mais quentes em Chicago, ela não quer ninguém entrando em suas calças. Isso já aconteceu antes, só um tolo tem tempo para distrações; especificamente para aqueles que só iria voltar para uma segunda vez. Com apenas dois semestres, ela sabe o que isso significa para a graduação, tudo corre como planejado. Até que ela conhece Cal. A distração. Um metro e oitenta e oito de altura, cabelos negros como ébano, profundos olhos cinzentos e um sorriso que só conseguia a derretia. O que ela acha que vai ser o seu felizes para sempre é apenas problemas. E, pela primeira vez em sua vida, um pequeno problema pode ser apenas o que ela precisa. Não é como se ela fosse casar com o cara. Até que isso aconteça. Não é o que ela quer, mas ser sua esposa sai mais caro que o esperado. Cal tem um segredo. Um que faz com que o amor venha quebrado.

Lauren Brooks é uma garota e tanto: ela está indo atrás dos seus sonhos, é determinada, corajosa. Ela acaba conhecendo Cal e por mais que tente não gostar dele, aos poucos ela vai se apaixonando. Na verdade, o livro começa com uma briga entre eles, onde ela diz que está de saco cheio do longo período que ele passa longe de casa. Ela tem um calendário com os dias em que ele ficou fora, e atira nele, dizendo poucas e boas. Cal parece estar acostumado a esse tipo de coisa, porque mesmo quando ela atira objetos nele, o máximo que ele faz é jogá-la na cama e a beijar. Isso resume o relacionamento desses dois: um caos. 

O livro vai se alterando entre o passado e o presente. Conhecemos aos poucos a Lauren que está trabalhando, tentando construir sua vida e Cal, insistente, que parece não sair da cola dela. E mesmo sabendo que no presente eles estão com sérios problemas, não consegui deixar de sorrir lendo os trechos de como eles se conheceram, os primeiros encontros. Sério, eles são um dos melhores casais que tive o prazer de conhecer, são perfeitos um para o outro. Então como tudo isso decaiu tanto?

Resultado de imagem para casal apaixonado

Quando a gente volta aos capítulos atuais, é um baque. É briga, objetos sendo atirados, xingamentos. Onde está aquela Lauren calma e tranquila? O que vemos é alguém espumando de raiva, mas ela tem razão. Como é estar casada com uma pessoa que passa metade do tempo longe? E se ele estiver traindo ela? O que ele tem tanto a esconder?

O mais triste é quando ela se dá conta de que o melhor é ir embora, mas ela o ama tanto que não consegue se ver longe. Quando finalmente cria coragem para ir de vez, com a mala na porta e chorando, senti vontade de aplaudí-la pela coragem e de abraçar, consolá-la. O sofrimento dela saiu das páginas e me atingiu.

Só que Cal não é do tipo que deixa ir. Ele é possessivo, ciumento e um homem louco de amor por ela. Obviamente ele vai atrás, aceita tudo o que ela dispara em cima dele - não só palavras como objetos - e tudo termina na cama de novo. A faísca entre os dois é tão nítida que é nossa, quanto mais arrogante ele era, mais eu me derretia.

Resultado de imagem para gif casal

Penso que o Cal gostava dessas brigas, pelo menos uma parte dele. Ele via ela chorando e ficava péssimo, então a provocava para que ela ficasse com raiva e isso a fazia rir. Eu sei, doentio. Será que sou doente também por ter gostado dele?

Quando tudo parecia estar certo, Cal recebe uma ligação que faz ele mudar do nada. Lauren já estava para perdoá-lo, e fica puta da vida quando ele diz que está saindo e não sabe quando vai voltar. Ele diz que a ama, pede para que ela espere por ele e some. E quando digo some é que ele evapora cara, ele desaparece por DOIS FODIDOS ANOS.

Como se não bastase isso, depois de semanas procurando por ele, contratando detetives particulares e sem resposta, Lauren descobre que está grávida. O livro acaba e você fica tipo... Mano a criança já nasceu, completou um ano de vida e o Cal sumiu. Se ele amava tanto ela, por que foi embora? Qual era o segredo dele?

Sério, a autora está de parabéns por criar uma trama tão envolvente. Terminei a leitura e fui direto para o 2º livro, pois mesmo sabendo o segredo dele o melhor ainda estava por vir.

Postar um comentário

O que achou desse post? Encontrou algum erro ortográfico? Não deixe de comentar! Sua opinião é muito importante pra nós.
Não tem conta no google? Não tem problema.
Escolha a opção nome/url e coloque seu nome.
Volte sempre.

My Instagram

Copyright © Um Remédio Chamado Ler. Made with by OddThemes & Artworkdesign