Siga @katherslynne

12 de nov de 2017

Sobre séries: Young Sheldon

Oi, pessoinhas! Queria dizer que o 1º podcast que gravei deu super certo, fiquei bem feliz pela gravação não ter caído e que minha internet super lenta não prejudicou o áudio. Foi super legal falar durante meia hora de um tema que está bem em alta no mundo literário, as editoras que não prestam, algo que na verdade sempre nos espreita, mas que parece que agora estourou de vez. Então se você não viu, fiz um post aqui no blog falando sobre o descaso que algumas editoras estão tendo com autores, blogueiros e clientes, e nesse post tem o podcast, vale a pena conferir.



 E pra começar esse domingo lindo, onde estou tossindo pra caramba, queria falar de uma série maravilhosa que está estreando hoje, 12/11 na Warner: Young Sheldon. Pra quem não sabe, essa é a série de spin off de The Big Bang Theory, outra série incrível que fala sobre um grupo de amigos vivendo altas aventuras, tipo um Friends só que com nerds.


Young Sheldon, como o próprio nome já diz, fala sobre a vida do Sheldon quando ele era criança: um menininho super fofo de 9 anos que está prestes a ter seu 1º dia de aula no ensino médio. Surpreso? Pois é, o Sheldon é um super gênio que desde pequeno já mostrava sinais do grande intelecto dele.

Acho que qualquer fã de TBBT já imaginou vendo uma série dessas, porque na série o Sheldon vive falando da infância dele, do quanto ele sofria bullyng, das surras e tapas que levava, dos professores que eram burros sim, na série ele questiona os professores quanto ao método de ensino deles e das coisas que ele amava, como brincar de trem [isso não mudou  muito com o passar dos anos], assistir Professor Próton, da vez que ele pediu Urânio para um projeto de foguete que ele tinha e o FBI bateu na porta da casa.

Minha maior preocupação era que pudessem colocar coisas na Young Sheldon que nunca nem tinha sido citado em TBBT, ou mudar algo que já havia sido mencionado que aconteceu de um jeito e eles mudam e colocam que aconteceu de outra forma.

Mas foi lindo, assisti aos dois primeiros episódios e mesmo sabendo de tanta coisa que ainda vai acontecer com o Sheldon, não deixa de ser mágico ver isso. A personalidade da mãe dele continua a mesma, vemos o pai dele, o George, que na série TBBT já está morto, mas foi citado e descrito tantas vezes que é como se já o conhecesse. A irmã gêmea dele, Missy, é uma gracinha, apesar de ser bem tapada, e o irmão mais velho, que esqueci o nome, infelizmente acaba sendo ofuscado por ter um irmão menor que é mais inteligente que ele.

Resultado de imagem para young sheldon

Isso é uma coisa que eu nunca tinha parado pra pensar: como é conviver com uma pessoa que é um gênio? Digo, a gente sempre viu as histórias que o Sheldon contava sobre a infância, mas e o lado dos parentes dele? A Missy, em vários momentos, se irrita com o Sheldon porque o culpa pelas coisas que acontecem de ruim, como o fato dos pais deles brigarem por questões financeiras ou a mçae estar preocupada por ele não ter amigos. Sheldon não percebe muito o ambiente que o cerca, então pra ele ta tudo bem. Missy é experta nesse sentido, ela vê o que de fato está acontecendo, chega no Sheldon e fala: e aí, você não vai fazer nada? Não vai ajudar?

Tem uma cena que a Missy está pensando nisso, sobre o Sheldon ter talentos e o dom da matemática, mas e ela? O que ela tem de especial? Como o gêmeo dela pode ser inteligente desse jeito e ela não ser?

Já o irmão mais velho, me deu muita dó em uma cena. Ele e o Sheldon estão na mesma turma, mesmo com a diferença de idade, e o Shelson, a gente sabe: é super esquisito, não tem tato, sabe ser irritante e constranger alguém. Como seria ter ele como irmão na sua sala? Pode ser intimidante isso.

Resultado de imagem para young sheldon


Com certeza vou continuar acompanhando a série e já se tornou uma das minhas favoritas do ano. É engraçada, é fofa, e nos faz pensar bastante na família e nos amigos. E separei algumas curiosidades sobre a série pra vocês:

Curiosidades sobre a série Young Sheldon


  • Young Sheldon é uma sitcom americana da CBS como um spin off da série The Big Bang Theory e serve como uma prólogo da série, apresentando o personagem Sheldon Cooper como uma criança vivendo com sua família no Leste do Texas e indo ao colégio. 
  • A série foi criada por Chuck Lorre e Steven Molaro, e Iain Armitage é apresentado como o protagonista. Jim Parsons, que é o mesmo personagem em The Big Bang Theory, narra e também é o produtor executivo da série. [Pensei que ele só ia narrar o 1º episódio, mas parece que ele narra todos e apesar de eu achar essa narração dispensável, ou seja, não é necessariamente necessária, é incrível ouvir a voz do Sheldon adulto]
  • O desenvolvimento da série começou em novembro de 2016, ea ideia original foi do p´roprio Jim Parsons.
  • A série começou a ir ao ar em 2 de novembro de 2017, logo após de The Big Bang Theory, após uma apresentação especial em 25 de setembro de 2017. 
  • Em 27 de setembro de 2017, a CBS encomendou a série para uma temporada completa de 22 episódios.
  • Zoe Perry atua como Mary Cooper, mãe de Sheldon, e Zoe é filha de Laurie Metcalf, que interpreta a mãe de Sheldon em The Big Bang Theory.

Resultado de imagem para young sheldon gif
Eu não sou louco, minha mãe me testou
Então, se você é fã de TBBT, precisa assistir a essa série maravilhosa, e se não conhece TBBT, não tem problema: assista também. Só se prepare para as referências, tem coisas que ele começa a falar sobre física que nem eu entendo haha. Espero que tenham gostado, 22:25 na Warner.

4 comentários:

  1. Sou apaixonada pelo Sheldon, ele é tão simples e ao mesmo tempo tão complexo que fico querendo desvendá-lo e ser sua amiga. Aos poucos ele vai se mostrando mais em TBBT e quando soube que haveria uma série paralela, contando sobre sua infância, logo me empolguei.
    Já assistir aos episódios que foram lançados e estou ansiosa pelos próximos

    ResponderExcluir
  2. Eu amo TBBT, assisti a pré-estreia de Young Sheldon, gostei bastante, embora seja um pouco diferente do que eu imaginava.



    http://missdiva.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Essa serie parece ser bem lega, gostei do seu post falando mais sobre ele.

    ResponderExcluir
  4. Oie, tudo bem? Assisti o primeiro episódio na estreia e achei a ideia bem criativa. Realmente eles conseguiram reproduzir tudo o que o Sheldon fala de sua infância. O fato de ser narrada pelo Sheldon adulto me fez sentir nostalgia. Vamos continuar acompanhando pra ver se continua legal. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Encontrou algum erro ortográfico? Não deixe de comentar! Sua opinião é muito importante pra nós.
Não tem conta no google? Não tem problema.
Escolha a opção nome/url e coloque seu nome.
Volte sempre.